BEM-VINDO AO
CENTRO REGIONAL DE VIGILÂNCIA E
CONTROLO DAS DOENÇAS DA CEDEAO

PLATAFORMA DE COMUNICAÇÃO DE RISCO
Nos últimos anos, os Estados membros da CEDEAO enfrentaram fardos de surtos de doenças infecciosas. O Centro Regional de Vigilância e Controlo das Doenças (CRVCD) foi criado como uma Agência sob a égide da Organização Oeste Africana da Saúde (OOAS) para melhorar os esforços de preparação e resposta contra futuras emergências de saúde pública mais

Professor Stanley Okolo
Director Geral da Organização Oeste Africana 
da Saúde (OOAS)

O QUE É A COMUNICAÇÃO DO RISCO?

A comunicação do risco refere-se à troca de informações, conselhos e opiniões em tempo real entre peritos e pessoas que enfrentam ameaças à sua saúde, bem-estar económico e social.
O objectivo da comunicação do risco é permitir às pessoas tomarem decisões informadas para atenuar - isto é, reduzir – os efeitos de uma ameaça ou perigo e ao fazê-lo tomar medidas preventivas e protectivas. A comunicação do risco não é uma actividade pontual. É um processo contínuo que se adapta às situações mutáveis.

Como funciona
a comunicação de risco
WORK
O QUE
COMUNITÁRIO
ENGAJAMENTO
pt_PTPortuguese